Orquestra Sinfônica de Betim encerra a temporada da série Sexta Sinfônica

Concertos foram realizados de março a dezembro com a presença de solistas e outros convidados

 

A Orquestra Sinfônica de Betim encerra a série de concertos “Sexta Sinfônica”, às 15h do dia primeiro de dezembro, no Monte Carmo Shopping, em Betim. Na última apresentação da série serão interpretadas obras natalinas de diversos compositores e contará com a participação de Corais Infantis da rede municipal de ensino de Betim. O evento também terá a participação de alunos do curso gratuito de Musicalização Infantil, realizado pela SABRA, com a estreia da Orquestra Infantil de Betim. A regência e direção artística são do maestro Márcio Miranda Pontes, idealizador do projeto. A Sexta Sinfônica é uma realização da Prefeitura Municipal de Betim através da FUNARBE e da SEMED. Os projetos culturais têm patrocínio do Instituto Unimed-BH, viabilizado pelo incentivo de médicos cooperados e colaboradores por meio da Lei Federal de Incentivo a Cultura. E a última apresentação em 2017 conta com o apoio decisivo do Monte Carmo Shopping. A entrada é gratuita.

A Orquestra Infantil de Betim é resultado das atividades do curso de Musicalização Infantil realizado em 2017. Os alunos tiveram aulas teóricas e práticas de instrumentos de orquestra e farão sua primeira apresentação pública na ocasião. Os corais infantis da rede pública municipal de ensino de Betim contam com centenas de alunos e são organizados e regidos por professoras capacitadas nos cursos da Oficina Musical SABRA.

O maestro afirma que os objetivos do evento foram alcançados ao longo do ano. “Foi promovida a vivência do repertório sinfônico aos jovens músicos integrantes da Orquestra e foi disponibilizado ao público em geral um espetáculo virtuoso ao qual a maioria não tem acesso. Nossa meta é levar o tema ao maior número possível de pessoas”, afirma.

Pontes explica que os concertos são a oportunidade de levar às pessoas cultura de qualidade, que é o resultado do trabalho de meses de dedicação: “Ensaiamos cerca de 20 horas semanais, sem contar os trabalhos com os corais, realizados em dias e horários diferentes. Até o final de 2014 tínhamos 30 músicos na Orquestra. Com a inclusão dos novos instrumentos, a partir de 2014, passamos a ter 74 integrantes e em 2017 a Orquestra Infantil de Betim faz sua estreia, o que muito nos orgulha”, destaca.

Convide sua família e amigos para acompanharem a última apresentação série “Sexta Sinfônica” em 2017! A entrada é franca.

 

Sobre a SABRA

A Sociedade Artística Brasileira (SABRA) é uma associação civil, sem fins lucrativos, fundada em 2013, em Belo Horizonte tendo sua sede atualmente em Betim, Minas Gerais. A organização realiza diversas ações, como a edição de manuscritos musicais antigos, e mantém a Orquestra Sinfônica de Betim, a Oficina Musical de Betim (que é uma escola de música), o Coro e Orquestra de Câmara Lobo de Mesquita e grupos de corais adultos e infantis tanto em Belo Horizonte quanto em Betim. Atua no ensino e na profissionalização da música sinfônica, de câmara e coral, focando suas atividades principalmente em crianças, adolescentes e jovens de maior vulnerabilidade social – apesar de haver também turmas adultas.

A instituição possui projeto registrado no Conselho Municipal de Assistência Social de Betim e é mantida por meio de doações e patrocínios, que auxiliam na inclusão social gratuita e continuada por meio de ações de proteção, inclusão e integração social dos alunos e participantes.

 

Sobre a Oficina Musical

A Oficina Musical (Escola de Música da SABRA) tem como público alvo crianças residentes em Betim. São realizados anualmente cursos gratuitos de Musicalização Infantil e de aperfeiçoamento em música de professoras da rede pública municipal de Betim. Através de aulas práticas e teóricas as crianças são conduzidas à música sinfônica, participando, durante sua formação musical, de orquestras de diversos níveis. As professoras da educação infantil recebem capacitação e incentivo com vistas à ampliação do canto coral nas Escolas.

 

Sobre a Orquestra Sinfônica de Betim

A Orquestra Sinfônica de Betim é um projeto da SABRA que surgiu em 2014 como uma Orquestra de Câmara, composta somente por instrumentos da família das cordas. No ano seguinte, a formação sinfônica teve início com a abertura de vagas para os outros naipes.

O projeto beneficia 74 jovens músicos e estimula a profissionalização deles por meio de bolsas de incentivo e da formação técnica e artística. Desde a sua fundação, a Orquestra já empreendeu centenas de concertos e atingiu mais de 60 mil pessoas, entre público e artistas.

 

Instituto Unimed-BH

Associação sem fins lucrativos, o Instituto Unimed-BH foi criado em 2003 com a missão de conduzir o programa de Responsabilidade Social Cooperativista da Unimed-BH. Os projetos desenvolvidos têm na saúde sua área prioritária, mas mantêm interface com outros campos por meio de cinco linhas de ação: Comunidade, Meio ambiente, Voluntariado, Adoção de espaços públicos e Cultura.

Em 2016, mais de 1,4 milhão de pessoas foram beneficiadas, direta e indiretamente, pelo Programa Cultural Unimed-BH. Mais de 4,5 mil médicos cooperados e colaboradores viabilizam este Programa ao escolher destinar parte do seu Imposto de Renda para o fomento de projetos socioculturais.

 

Último concerto da série de apresentações da Orquestra Sinfônica de Betim
Data: 01 de dezembro, sexta-feira
Horário: 15h
Local: Monte Carmo Shopping, Av. Juiz Marco Túlio Isaac, 1119 – Ingá Alto, Betim
Ingressos: Entrada franca

 

Contatos para entrevistas

Márcio Miranda Pontes
Maestro e idealizador do projeto
(31) 98447 5395 e 98878 5395

 

Fotos em alta resolução 

Crédito: Josemar Lucas